SEJA BEM VINDO!!! MARHABAN!!!

DICAS e CURIOSIDADES


"A dança é uma arte envolvente que, além do prazer, proporciona melhoria da capacidade cardiorrespiratória e circulatória, fortalece os músculos, protege as articulações, previne desvios posturais e ainda é eficaz para problemas de auto-estima e de socialização. Enfim, reúne diversos ritmos para todos os gostos e idades"
(Carlinhos de Jesus) 


ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL


Bailarinos, vejam algumas dicas para tornar sua alimentação mais saudável:

* Escolher os alimentos na forma mais natural possível
* Evitar todo tipo de frituras de imersão
* Consumir doces, eventualmente, em pequena quantidade e logo após o almoço
* Incluir alimentos integrais na dieta
* Reduzir o consumo de maionese, manteiga e margarina
* Aumentar o consumo de frutas e vegetais
* Misturar no máximo dois tipos de carboidratos (amido) por refeição
* Alimentar-se, no máximo, a cada três horas, incluindo lanches leves no intervalo entre as refeições principais, sempre evitando doces e frituras
* Não abusar do sal na alimentação
* Líquidos durante a refeição: no máximo um copo, e se possível, sem açúcar

Variedade de alimentos. Quanto mais variada a alimentação, mais rica em nutrientes. 
OBS: Carboidratos (amidos) são cereais de coloração de tons entre branco e o marrom (amarelados). Ex: massas, arroz, farinhas, batatas, biscoitos, pães, lentilha, feijão e milhho.
Além de alimentar-se corretamente é preciso praticar exercícios físicos regularmente

Orientação Nutricional - Dra. Sandra Trevisan - CRN/3550
(Fonte: Informativo da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil)     



DIA INTERNACIONAL DA DANÇA


Criado em 1982 pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura - Unesco. A data 29 de abril comemora o aniversário de Jean-George Noverre, nascido em 1727, bailarino e professor de balé francês considerado por muitos como criador do balé moderno. Foi o formulador das bases cênicas da dança do século dezoito e autor das "Cartas sobre a Dança e os Ballets", livro fundamental até hoje para estudar a teoria e a prática da dança.

(Fonte: Guia das Escolas de Dança) 



DIA DO PROFISSIONAL DA DANÇA
(23/11)


23/11 - Dia do profissional da Dança no Estado de São Paulo, idealizado pelo Sindicato dos Profissionais da Dança do Estado de São Paulo - SINDDANÇA e aprovado por unanimidade pela Assembléia Legislativa. 




SAÚDE E BOA FORMA




Para garantir uma performance de qualidade o bailarino deve buscar, além da técnica, uma boa preparação física. O corpo forte auxilia na execução dos movimentos, giros e saltos; o corpo magro evita a sobrecarga das articulações do tornozelo e joelho. Além de maior força e resistência física, a boa forma do bailarino ajuda a atingir o perfil físico exigido dentro do seu estilo. Muitos coreógrafos são exigentes na escolha de seus bailarinos-interpretes, pois acreditam que - além da técnica - a estética e execução do movimento são muito influenciados pelo corpo do bailarino. No palco as formas são evidenciadas, deve-se tomar muito cuidado com o figurino escolhido.

Para ter saúde e boa forma é importante buscar uma alimentação equilibrada, optando por alimentos mais saudáveis e de baixa caloria. Lembre-se de ingerir bastante líquido. A água é uma importante aliada na reposição de líquidos perdidos durante a prática da atividade física, dilui e ajuda a eliminar as toxinas do corpo.   

(Fonte: Guia das Escolas de Dança)




VIDA SAUDÁVEL


O corpo é o instrumento de trabalho do dançarino e merece atenção especial. Sendo necessário, leveza e agilidade para os movimentos da dança, a dieta balanceada é fundamental para o bom desempenho do bailarino. O equilíbrio da alimentação, por exemplo, pode prevenir câimbras e tendinites. O controle do peso também é importante para não comprometer a atuação de quem dança. Exames precisam ser feitos periodicamente. O profissional habilitado para esse acompanhamento é o nutricionista. E essas são algumas dicas preciosas para o equilíbrio da alimentação, do controle de peso, e a nutrição para uma vida saudável e com mais energia.

É preciso conhecer os alimentos pelos nutrientes:

Proteínas - alimentos de origem animal (carnes, leite, ovos, peixes, aves, etc)

Carboidratos - cereais, farinhas, grãos (arroz, batata, massas, pães, milho, feijão, etc)

Lipídeos ou gorduras - óleos, margarina, manteiga, maionese, etc

Vitaminas e minerais - alimentos "coloridos" são as frutas e os vegetais

Água - indispensável para nossa hidratação

* Café da manhã - é a refeição mais importante para uma alimentação balanceada. O momento de despertar o metabolismo para o dia que se inicia deve conter leite, queijos, pães, frutas, cereais, etc.

* Fracionamento - devemos comer, no máximo, a cada três horas. O organismo precisa de energia até para emagrecer!

* Vale a pena evitar frituras de "imersão" alimentos que foram mergulhados no óleo muito quente. Além de supercalóricos não fazem bem ao organismo.

* Doces - o ideal é comê-los até três vezes por semana, se possível após o almoço, pois à tarde e à noite nosso metabolismo é mais lento e o mesmo doce pode favorecer o ganho de peso em gordura corporal.

* Carboidratos fornecem energia. O ideal é misturarmos no máximo dois tipos por refeição e diminuirmos a quantidade ingerida à noite.

* Hidratação - durante as refeições, pode-se beber até um copo de líquido, de preferência sem açúcar. No restante do dia, à vontade e principalmente durante a prática da atividade física.

* Variedade - quanto mais variada a escolha dos alimentos, mais nutritiva a dieta e maior o aporte de diferentes nutrientes, prevenindo a monotonia alimentar.

Orientação Nutricional - Dra. Sandra Trevisan - CRN/3550
(Fonte: Informativo da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil)